sexta-feira, 14 de setembro de 2012

I Seminário Nacional Interseccionalidade de Raça e Gênero no Enfrentamento a Feminização DST/Aids

I Seminário Nacional Interseccionalidade de Raça e Gênero no Enfrentamento a Feminização DST/Aids, que acontecerá na cidade de Curitiba-Paraná de 11 a 13 de novembro é organizado pela Rede Mulheres Negras do Paraná, em parceria com Rede Lai Lai Apejo-População Negra e Aids, contando com o apoio do Departamento DST, Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde.

Será uma atividade de caráter nacional, envolvendo as 27 unidades da federação e tem como público alvo a participação de mulheres negras e não negras vivendo com HIV/Aids; representações de organizações da sociedade civil que trabalham diretamente no enfrentamento a epidemia e prevenção do HIV/Aids, organização que atuam na promoção de saúde e saúde da população negra; e gestores (as) de saúde, organismos de políticas para mulheres e de igualdade racial.

O I Seminário tem como eixo estrutural construir uma ação estratégica que subsidie o governo federal na elaboração de proposições que atuem diretamente no enfrentamento a feminização da Aids e outras DST, considerando o enfoque racial. Tenho como premissa que a execução do Plano Integrado de Enfrentamento a Feminização da Aids e outras DST (2007/2011) encerrou no final do ano passado, e o desafio ainda persiste, apresentasse latente a pergunta de quais são as estratégias e respostas do governo brasileiro, nas suas 3 esferas e da sociedade civil, no enfrentamento da epidemia entre as mulheres?


Convidamos todas e todos a construírem estas respostas junto conosco de 11 a 13 de novembro na cidade de Curitiba-Paraná.

Todas (os) participantes selecionadas (os) receberão financiamento para sua participação integral no evento. Sendo de responsabilidade da organização do I Seminário o custeio das passagens aéreas local de origem-Curitiba-local de origem, hospedagem, alimentação e materiais de trabalho ao longo dos dias de atividade.

Rede Mulheres Negras do Paraná e Rede Lai Lai Apejo-População Negra e Aids

Um comentário:

  1. Parabéns pelo projeto do Seminário!
    É urgente oportunidades de articulação entre os atuantes para ações estratégicas que realmente contemplem as necessidades e especificidades de nossas lutas locais. Tenho muitas expectativas e acredito que trará um resultado fortalecedor muito positivo
    Fabiane Borges

    ResponderExcluir